Policiais Militares do 1º BPM fazem aparição surpresa no aniversário de um fã do PPT

Geral

Policiais militares de Imbituba recebem moção de aplauso por ato de bravura na Alesc
14/08/2019

Quatro policiais militares, os aprasquianos cabo Jeferson Gonçalves e os soldados Anderson Martins,  João Carvalho Junior e Emerson Floriano, da Guarnição Especial de Imbituba – Geib foram homenageados com Moção de Aplauso pela Assembleia Legislativa do Estado por ato de bravura. A homenagem ocorreu na tarde dessa quarta-feira (14/08), no Plenário da Alesc. A iniciativa foi proposta pelo deputado estadual Jessé Lopes (PSL).

Os quatro policiais realizaram um perigoso resgate no bairro Nova Brasília, em Imbituba, no dia 27 de julho deste ano. Na ocasião, uma adolescente transsexual de 16 anos ameaçava pôr fim a própria vida. Com bravura, determinação e coragem o resgate teve um final positivo.  

O cabo Jeferson Gonçalves, representando os colegas, agradeceu o reconhecimento. “Faz parte de nosso trabalho arriscar a vida, mas esse caso fugiu de nossa rotina. É sempre gratificante salvar uma vida. Por isso agradecemos o reconhecimento da Assembleia”, frisou ele. 

A APRASC esteve presente, representada pelo tesoureiro, subtenente RR Pedro Paulo Rezena. "A APRASC presta todo o seu reconhecimento a bravura dos policiais, que mesmo com todos os riscos, não hesitaram em salvar mais uma vida".

O comandante da Guarnição Especial de Imbituba, major Daniel Nunes da Silva também estava presente. O deputado Jessé Lopes agradeceu a presença do comandante da Guarnição Especial de Imbituba, major Daniel Nunes da Silva. 

“Sempre tenho muito prazer e orgulho em enaltecer o bom trabalho da polícia, porque muitas vezes é ingrato. Os policiais fazem um bom trabalho o tempo inteiro e, quando cometem um erro, são duramente criticados.Temos hoje os nobres policiais que tiveram ato de bravura durante ocorrência no município de Imbituba numa situação adversa. Agiram e evitaram o suicídio de uma adolescente transsexual em meio ao perigo dos carros em alta velocidade na BR-101, que ameaçava cortar o pescoço com uma garrafa quebrada. Executaram um grande trabalho e salvaram a vida da adolescente, que hoje se encontra em bons cuidados. Por isso, propus essa moção em parceria com o deputado Ivan Naatz. Agradeço aos policiais militares que fizeram este ótimo trabalho”.

A moção foi aprovada por unanimidade na tarde desta quarta-feira (14/08) em sessão no plenário da ALESC.

ouça a notícia na Rádio WEB APRASC

Leia a notícia completa 

Os policiais foram acionados e localizaram a adolescente, uma transexual, de nome Vitória, natural do Rio Grande do Sul. Ela estava sobre o elevado da rodovia federal BR-101, próximo ao Posto Sim e das lojas Ferju. Desesperada, a jovem ameaçava se jogar do elevado e já apresentava um ferimento no pescoço causado por ela mesma, com um vidro da garrafa que portava. Antes disso, Vitória já tinha tentado se jogar em frente a veículos que transitavam pela rodovia. 

Através de diálogos, os policiais tentaram dissuadir a adolescente e convencê-la a desistir de seus planos. Sem sucesso nas negociações, os policiais arriscaram a própria vida, seguindo em meio aos automóveis da rodovia movimentada. Testemunhas disseram que os policiais militares imbitubenses, com muita bravura e sagacidade, conseguiram desarmar a jovem e tirá-la de cima do muro de contensão da Rodovia, mesmo com o risco de queda eminente, dando assim um fim a ocorrência e salvando Vitória. Após passagem pela Delegacia de Polícia da Comarca de Imbituba, a adolescente foi enviada novamente aos cuidados do Conselho Tutelar. 

Entenda o caso 

No início da manhã de sábado, duas guarnições da Polícia Militar de Imbituba se dirigiram a uma ocorrência de apoio ao Conselho Tutelar do Município. O órgão informou que desde o dia anterior receberam inúmeras solicitações da Casa Lar de Imbituba, unidade que acolhe e abriga crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade. 

De acordo com informações, a adolescente transexual passou a madrugada na Casa Lar, mas logo ao amanhecer, precisou deixar o local por meio de uma ordem judicial, já que devido à natureza de seu estado emocional e sinais de violência, funcionários e demais abrigados temiam pela própria segurança. 

Funcionários do Conselho Tutelar tentaram encaminhar Vitória para seu Estado de origem, Rio Grande do Sul, mas sem sucesso. A Polícia Militar chegou por volta das 8h30 para prestar auxílio a entidade, nesse momento, visivelmente desorientada, a jovem iniciou uma tentativa de fuga. Temendo pela segurança da adolescente, o veículo do Conselho Tutelar tentou acompanhá-la, mas a adolescente ameaçou lançar uma pedra no veículo oficial, além de ameaçar uma das conselheiras com uma garrafa. 

Em meio a fuga, Vitória acabou pegando carona em um VW Gol de cor branca que passava pelo local, indo no sentido do bairro Nova Brasília. Ela foi localizada pela polícia no elevado da Rodovia Federal BR-101, próximo ao Posto Sim e das lojas Ferju. 

Para o Major Daniel Nunes, comandante da Geib e que foi negociador do BOPE por mais de nove anos, esses tipos de ocorrências são consideradas de altíssimo risco e demandam uma resposta especial da polícia, seguindo protocolos internacionais. "O suicida faz parte da tipologia de causadores emocionalmente perturbados, tornando imprevisíveis em suas ações. A ação Tática muitas vezes faz-se necessária, e foi exatamente isso que os heróis fizeram, arriscaram suas vidas para salvar mais um desconhecido", afirma o comandante. 

 

 

 

Galeria de Fotos
[ Últimas notícias ]
POLICIAIS E BOMBEIROS MILITARES LUTANDO PELA SEGURANÇA DA SOCIEDADE
  • (48)3223-2241

Associação de Praças de Santa Catarina - Rua Raul Machado, 139 Centro - CEP: 88020-610 - Florianópolis/SC

Horário de funcionamento
Segunda a sexta-feira 8h às 12h e 14h às 18h