NOTA DE PESAR

Geral

PRAÇAS EM AÇÃO: Soldados que estavam de folga salvam mulher de sequestro em Içara após acidente de trânsito
07/02/2020

O sequestro começou em Criciúma na noite de 05/02, um quarta-feira, quando dois criminosos renderam uma mulher que chegava de carro em casa. Um deles assumiu a direção do veículo da vítima, enquanto o outro homem a colocou no banco de trás com uma arma apontada para a cabeça. Na fuga, acabaram capotando o veículo na BR-101 em Içara. Eram nove da noite quando os aprasquianos policiais militares soldados Ezio Fernandes e Diego Francisco Lima, da Guarnição Especial de Içara, que estavam de folga viram o que seria um acidente de trânsito e foram prestar socorro sem saber que se tratava de um roubo seguido de sequestro e cárcere privado, como relata o soldado Ezio.

“Estávamos de folga. O soldado Diego me pediu apoio por telefone porque teve problemas no carro. Moro perto e fui auxiliá-lo. Quando seguíamos pela BR-101 em Içara, próximo do posto Planalto, vimos um carro capotado e, de imediato, fomos ajudar. Durantes o socorro, percebemos que se tratava de um roubo seguido de sequestro. Havia dois homens e uma mulher no carro. Um deles era o condutor e o outro estava no banco de trás com a dona do veículo. Eram cerca de 21h. Meu colega, soldado Diego, conseguiu se aproximar da vítima e falou baixo, identificando-se como policial militar. Ela sussurrou que era um assalto e que os ladrões estavam armados”, descreve o soldado Ezio.

Um dos criminosos acabou detido pelo Soldado Diego, mas o outro conseguiu fugir, conta o soldado Ezio, que tentou capturá-lo.

“Ordenamos aos dois que permanecessem deitados, no entanto um deles não acatou a ordem e evadiu-se do local, atirando em direção a nós dois. Um deles foi detido pelo soldado Diego, enquanto eu fui tentar capturar o segundo homem, o qual continuou a disparar em minha direção. Revidei, mas não consegui acertá-lo. Acionamos as guarnições de serviço solicitando apoio. Explicamos que estávamos de folga e se tratava de um assalto onde um masculino estava detido e outro havia fugido”, explica o soldado Ezio.

Para o homem capturado, a guarnição deu voz de prisão por roubo, sequestro e cárcere privado. A vítima e o preso foram levados para a delegacia em Criciúma.

A APRASC parabeniza aos policiais militares que, de folga, honraram com o dever e conseguiram salvar uma vítima de roubo e sequestro. Nossos praças arriscaram a vida em prol da sociedade sem medir esforços.

Ouça aqui a matéria na Radioweb APRASC

Galeria de Fotos
[ Últimas notícias ]
POLICIAIS E BOMBEIROS MILITARES LUTANDO PELA SEGURANÇA DA SOCIEDADE
  • (48)3223-2241

Associação de Praças de Santa Catarina - Rua Raul Machado, 139 Centro - CEP: 88020-610 - Florianópolis/SC

Horário de funcionamento
Segunda a sexta-feira 8h às 12h e 14h às 18h